Flá @ 13:28

Ter, 20/01/09

 

           Vem cá. Deita-te ao meu lado, aí mesmo, o mais perto possível de mim. Vamos ficar aqui, assim, sobre a cama a ver o céu e a chuva que dele cai. Diz-me, de que cor estão os meus olhos?
Nunca ninguém, como tu, havia reparado que os meus olhos vão mudando de cor ao longo do dia. Acho encantadora a forma como admiras a minha voz, o meu riso, os meus pulos, a forma como mexo muito as mãos enquanto falo…nunca ninguém, como tu, havia olhado para mim dessa forma, dessa forma tão encantada…nunca ninguém me havia, como tu, encantado tanto em tão pouco tempo. Sabes, ris-te como um menino de 4 anos e não deixas espaço entre nós para o medo. És encantador.
Ainda tens medo de acordar? Ainda tens medo de perceber que posso ser, simplesmente, um sonho lindo?
Fecha os olhos, Amor…consegues ainda reviver os 2 segundos do nosso primeiro beijo? Agora abre os teus lindos olhos, sempre castanhos, encontra-os nos meus, e, diz-me, de que cor estão os meus olhos?
O que acontece quando a realidade ultrapassa o sonho?

música: Green Eyes _ Coldplay

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


favorito

Uncensored

Pesquisar